segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Lula se despede do Palácio do Planalto e vai ao encontro do povo

Por: Luciano Augusto
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva deixou neste sábado (1) o Palácio do Planalto e a cidade de Brasília, pouco depois de passar a faixa presidencial para sua sucessora, Dilma Rousseff, e de uma emotiva despedida popular.
Lula saiu do palácio presidencial com sua esposa, Marisa Letícia, e se dirigiu à Base Aérea de Brasília, onde pegarão um avião com destino a São Paulo, de onde seguirão para São Bernardo do Campo.
O ex-presidente se despediu de Dilma que, com a faixa presidencial no peito, o tomou pelo braço esquerdo e desceu com ele a rampa que dá acesso ao Palácio. A ex-primeira-dama se posicionou do lado direito de Lula e o vice-presidente Michel Temer, no lado esquerdo da governante.
Na parte baixa da rampa, Lula e sua esposa deram efusivos abraços em Dilma e Temer, uma despedida na qual não faltaram lágrimas dos envolvidos e aplausos dos empregados do Palácio do Planalto.
Após se despedir de sua sucessora, o ex-presidente, que chorava e suava copiosamente, se aproximou do público aglomerado em frente ao Palácio e se misturou em abraços e apertos de mãos com a multidão que gritava seu nome.
Lula passou, pelo menos, dez minutos entre uma multidão que não o deixava sair e colocou em uma situação complicada os agentes de segurança que se esforçavam para tirá-lo dos braços do povo.
Tamanha efusividade se deve ao fato de ter sido o presidente mais popular do país e que deixa o Governo com uma aprovação de 87%.
Finalmente, Lula e sua esposa conseguiram entrar em seu automóvel rumo à base aérea, enquanto o ex-presidente, como um menino de colégio, abaixava o vidro do carro para se despedir mais uma vez do povo.
Em São Paulo, Lula visitará, ainda esta noite, o ex-vice-presidente, José Alencar, grande ausência da cerimônia de posse, já que está hospitalizado há dez dias devido a uma hemorragia digestiva em consequência do câncer abdominal contra o qual luta desde 1997.
Após visitar Alencar, Lula irá para São Bernardo do Campo, onde começou sua carreira sindical e política nos anos 1970 e tem sua residência particular.
Em São Bernardo, o PT, do qual Lula foi um dos fundadores, tem programada para esta noite uma festa de boas-vindas à vida normal após oito anos no topo do poder. 
 

*Com informações Agência Brasil e EFF Internacional.

Nenhum comentário:

Postar um comentário