terça-feira, 1 de março de 2011

Salvador deseja sediar show e jogo de abertura da Copa de 2014


A declaração do ministro do Esporte, Orlando Silva, de que pode compartilhar entre Salvador e São Paulo o show e o jogo de abertura da Copa do Mundo de 2014, fortaleceu ainda mais a candidatura da capital baiana a sediar os dois eventos. A cidade é a mais cotada para a realização da festa de abertura, mas terá um estádio moderno e pronto também para receber o jogo que inicia o mundial, o que faz com que pleiteie as duas solenidades.


Para o secretário Extraordinário para Assuntos da Copa (Secopa), Ney Campello, a sugestão do ministro de realizar o show de abertura em Salvador e o jogo de abertura em São Paulo é o reconhecimento da importância e do protagonismo da Bahia em relação a este evento. “Foi muito gratificante ver uma autoridade pública dizendo que pode haver um compartilhamento da abertura entre São Paulo e Bahia. Mas, o nosso pleito é de assumir também o jogo de abertura e não apenas o show”, disse.

“Nós mantemos o nosso pleito de sediar também o jogo de abertura, mas estamos dispostos a negociar, conversar com o governo Federal, com a FIFA e a Comissão de Organização dos jogos para que se chegue ao melhor para todos. É natural que a Bahia pleiteie o jogo, além do show, porque não temos um estádio em processo de construção, enquanto o estado de São Paulo tem ainda uma modelagem, um projeto, que ainda não se tornou real”, destacou Campello.

Enquanto a decisão não acontece, Salvador mantém uma grande campanha para trazer a abertura da Copa para a Arena Fonte Nova. A Secopa tem montado postos de coleta de assinaturas em um abaixo-assinado que será entregue à FIFA e montou até um site

www.abreacopasalvador.com.br, no qual fala dos motivos para que a solenidade de abertura aconteça na capital baiana. A Secretaria fará uma grande mobilização durante o carnaval para alavancar ainda mais a candidatura de Salvador.

De Salvador,
Eliane Costa

Nenhum comentário:

Postar um comentário