domingo, 18 de outubro de 2009

ENCERRAMENTO DO V ENCONTRO INTERNACIONAL DE NEGÓCIOS - JUAZEIRO VENDE ARTESANATO AO MUNDO



Mais de 10 mil visitantes, muitas atrações, mais de R$ 1 milhão em negócios, mais projeção no Brasil e no Mundo. São marcas de sucesso do V Encontro Internacional de Negócios do Cariri, em Juazeiro do Norte, contribuição influente e decisiva para abertura de novos mercados nacionais e internacionais aos produtos do Cariri. De acordo com Tânia Porto(foto), executiva e articuladora do Sebrae-Cariri, responsável pelo evento que movimentou a semana em Juazeiro, esse encontro serviu, sobretudo, para reafirmar o potencial diversificado e qualificado do artesanato caririense, atendendo às expectativas e às exigências de compradores nacionais e estrangeiros.
Com a participação de várias cidades do Vale do Cariri e de outros Estados, especialmente Piauí, Pernambuco e Paraíba, o encontro do Sebrae deu destaque aos produtos de artesanato, que representam uma identidade cultural da região e desperta muito interesse em várias partes do mundo. E reafirmou a posição avançada de Juazeiro do Norte como centro de negócios internacionais do Cariri. Durante o encontro, de 20 a 25 deste outubro, no Palácio da Microempresa do Cariri, Juazeiro, conhecido como capital nacional do artesanato, por sua riqueza e beleza, além da variedade e da qualidade, mostrou o que tem de melhor em produtos feitos com muito arte e imaginação: artesanato mineral, areia colorida, crochê, côco, biojóias, pedra sabão, bordados, cordel, redes, rendas de bilro, tecelagem, cestaria e diversos tipos de xilogravura. Participaram 62 expositores vendedores, 21 compradores nacionais e internacionais, inclusive da Alemanha e da Suíça, além de 16 arquitetos visitantes da Casa Cor 2008. Segundo Tânia Porto, nessa entrevista ao Juanorte, a Feira de Artesanato do Cariri, dentro do IV Encontro Internacional de Negócios, "apresentou. produtos de qualidade, de artesãos mais qualificados e ganhou com a presença de arquitetos, contribuindo para uma maior interação entre esses profissionais e o segmento artesanal". Para ela, o evento em Juazeiro atingiu seu objetivo geral de proporcionar a abertura de novos mercados ao artesanato caririense, buscando intensificar sua internacionalização. Durante a feira, um dos 62 artesãos participantes, Expedito Seleiro, recebeu homenagem especial. Ele é hoje um dos principais divulgadores do artesanato do Cariri no Brasil. Suas bolsas e sandálias, produzidas em couro, têm inspirado até desfiles de marcas famosas no sul do País. Por isso, em reconhecimento à sua contribuição para maior valorização e promoção da cultural regional, foi homenageado pelo Governo do Ceará com o título de Mestre da Cultura. Celebração fez parte da programação especial da feira que teve, diariamente, até o encerramento, nesse sábado(25), shows noturnos com a participação de artistas de Juazeiro, do Cariri e de outras regiões do Nordeste. Para o sucesso do V Encontro Internacional de Negócios, o Sebrae-Cariri contou com o apoio da Prefeitura de Juazeiro do Norte, do Governo do Ceará, da Federação das Associações de Comércio, Indústria, Serviços e Agropecuária do Ceará, Federação das Indústrias do Ceará, Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil, Banco do Nordeste, Agência de Promoção de Exportações, Universidade Regional do Cariri, Fecomércio-Sesc-Juazeiro e outros parceiros. "Foi um encontro interessante e produtivo que, além de negócios, proporcionou intercâmbio cultural e atingiu seu objetivo de projetar mais Juazeiro e o Cariri para o Brasil e o Mundo", conclui Tânia Porto.


TÂNIA PORTO- Executiva e Articuladora -SEBRAE Juazeiro do Norte e JULIANA REIS- GDA" Gerente de Divisão de Artesanato".




Nenhum comentário:

Postar um comentário