terça-feira, 30 de outubro de 2012

Empresas brasileiras estão no maior encontro audiovisual da África


O Brazilian TV Producers participa do Discop Africa 2012, encontro audiovisual mais importante do continente africano, voltado à produção e distribuição de conteúdo. O projeto de exportação da ABPITV, realizado em parceria com a Apex-Brasil e SAv/MinC, acompanha três produtoras associadas – Cinevídeo (Brasília), Mosquito Project (São Paulo), Sato FM Produções (Rio de Janeiro) e a distribuidora associada Sato Company (São Paulo).
O Discop 2012 acontece em Joanesburgo, África do Sul, entre 31 de outubro e 2 de novembro, e engloba mercado, fórum e conferências, além de oferecer diversas oportunidades para venda e compra de conteúdo, formação de parcerias, acesso à informação e networking.  São esperadas 175 empresas e mais de 1000 representantes, entre compradores, produtores, expositores e visitantes. Esta é a sétima edição do evento e o Brasil terá destaque na programação.
O Fórum de Coprodução incluirá, a mesa “Viva Brazil!”, apresentada por Rachel do Valle, gerente executiva do Brazilian TV Producers. A proposta é discutir a coprodução atual entre Brasil e países africanos, no intuito de encontrar canais de comunicação ainda melhores entre produtores independentes brasileiros e seus parceiros africanos, não apenas em países onde o português é a língua oficial. Estarão no  painel Monica Monteiro (Cinevideo Produções), Neil Brandt (Fireworks Media), Michael Dearham (Cote Ouest) e um representante da National Film and Video Foundation.
Durante as discussões serão abordados temas como “Oportunidades de Coprodução entre África e Brasil”, “O Impacto das Tecnologias Móveis”, “Desenvolvimento, Coprodução e Exportação de Projetos Televisivos em Francês”, entre outros. O discurso de abertura, “O Benefício da Migração Digital”, será feito por Jason Njoku, CEO e fundador da iROKO Partners, maior parceiro do Youtube no continente africano e maior distribuidor de filmes da chamada “Nollywood”, indústria audiovisual da Nigéria.

Nenhum comentário:

Postar um comentário