terça-feira, 24 de maio de 2011

redenção Ministro inaugura Unilab


Como a segunda universidade federal no Ceará, a Unilab une o
 Brasil de países africanos de língua portuguesaFortaleza A
Universidade da Integração Internacional da Lusofonia
 Afro-Brasileira (Unilab)  inicia suas atividades letivas
 amanhã, com aula magna proferida pelo ministro
 da Educação, Fernando Haddad, a partir das 
10 horas, no campus da Liberdade, em Redenção.

Clique para Ampliar

A solenidade será presidida pelo reitor, Paulo Speller,
 e contará, ainda, com as presenças do governador,
 Cid Gomes, de secretários, representantes dos Municípios 
do Maciço de Baturité, de instituições nacionais e
 internacionais, além da comunidade acadêmica.

"Temos matriculados 360 estudantes. Destes, 180 iniciam as aulas 
neste trimestre. O restante, somente no segundo trimestre, que
 inicia em agosto", informou o reitor. Com a proposta de aproximar 
ainda mais o Brasil dos países africanos de língua portuguesa, por
 meio de cooperação, a universidade receberá, na sua primeira
 turma, 39 estrangeiros e 141 brasileiros, nos cursos de 
Agronomia, Administração Pública, Enfermagem, Engenharia 
de Energia e Licenciatura em Ciências da Natureza e da
 Matemática. "O curso de Enfermagem foi o mais procurado
 pelos estudantes", complementou ele.

Junto ao período letivo, a Unilab, segunda universidade federal
 no Ceará, inaugura também o seu primeiro campus, Liberdade. 
O quadro de professores, conforme afirmou Speller, já está
 preparado para receber os estudantes. São 16 professores do
 quadro regular, admitidos por meio de concurso público e cinco
 professores visitantes, em modalidade temporária. "Temos um grupo
 de pesquisadores da Funcap (Fundação Cearense de Apoio ao
 Desenvolvimento Científico e Tecnológico) também disponível para
 a universidade. Dois ou três já estão engajados", informou o reitor.


Comemoração

A data para início das atividades da Unilab foi devidamente pensada.
 25 de maio é a data em que, simbolicamente, se comemora o
 Dia da África, data alusiva à proclamação da Organização
 da Unidade Africana (OUA). Além disso, 2011 foi consagrado
 o Ano Internacional dos Afrodescendentes, pela Resolução da 
Assembleia Geral das Nações Unidas 64/169 de 18 de
 Dezembro de 2009.

A manhã será encerrada com o festejo do Maracatu Batuque 
Odara - Fé e Alegria. Complementando o início letivo, a 
comunidade universitária participará, até o próximo dia 
28 de maio, do circuito cultural de inauguração da Unilab,
 com atividades formativas (palestras, rodas de conversa etc), 
socioculturais (música, dança, poesia, exposições etc), 
socioesportivas, entre outras. Serão quatro dias de integração
 da comunidade universitária.

A Unilab será composta por dois campus: da Liberdade e das Auroras.
 Este último, em construção, abrigará os estudantes. O primeiro foi doado
 pela Prefeitura de Redenção e possui, na sua infraestrutura, "tudo que 
uma universidade precisa para o início das aulas", conforme afirmou 
Paulo Speller. Salas de aulas, de professores, biblioteca, almoxarifado, 
entre outros ambientes.

Dos 180 alunos da primeira turma, 77 destes serão beneficiados com
a  Bolsa Moradia. Enquanto o campus das Auroras não estiver pronto,
 os estudantes receberão auxílio para pagar aluguel, em Redenção. 
São 39 estrangeiros e 38 brasileiros, vindos de várias regiões do País.


Criação

Criada com a finalidade de ratificar a integração internacional com 
os países do Hemisfério Sul, a consolidação da Universidade se 
deu em 20 de julho de 2010, quando o então presidente, Luis
 Inácio Lula da Silva, sancionou a lei nº 12.289, instituindo a 
Unilab como Universidade Pública Federal. Em parceria com 
sete países africanos e asiáticos, membros da Comunidade dos
 Países de Língua Portuguesa (CPLP) - Angola, Cabo Verde,
 Guiné-Bissau, Moçambique, São Tomé e Príncipe, e Timor Leste, 
além de Portugal -, a Universidade será um centro de referência e
 integração de conhecimento.


Emanuelle LoboRepórter


MAIS INFORMAÇÕES 
Unilab -
 Avenida da Abolição, 3 - Centro
Município de Redenção (CE)
Telefone: (85) 3332.1568

Nenhum comentário:

Postar um comentário