quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Indicações do PSB para ministérios desagradam Dilma Rousseff

Por: Márcio Dornelles
Com a eleição de seis governadores e crescimento da bancada federal, o PSB pediu maior participação no governo de Dilma Rousseff (PT). Mas os nomes indicados pela legenda não agradaram a presidente eleita, que esperava representantes de peso para as pastas.
O governador de Pernambuco e presidente do PSB, Eduardo Campos, apresentou o nome do secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Fernando Bezerra Coelho. Os irmãos Ciro e Cid Ferreira Gomes também levaram ao conhecimento da petista uma liderança política local: o atual prefeito de Sobral, Leônidas Cristino.
O primeiro reflexo da indicação cearense no próximo governo foi a retirada de Aeroportos do Ministério dos Portos. Dilma teme caos aéreo em janeiro. O impasse entre aeronautas, aeroviários e o Sindicato Nacional de Empresas Aeroviárias (SNEA) deve agravar o já tumultuado período de festas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário