quarta-feira, 5 de outubro de 2011

Marcada audiência no TST para tentar resolver impasse da greve dos Correios




Está marcada para a próxima terça-feira (4), às 15h30min, uma audiência no Tribunal Superior do Trabalho entre funcionários e empresários dos Correios. Os funcionários dos Correios entraram com um pedido de dissídio coletivo para tentar resolver o impasse da greve.

De acordo com o gerente nacional de negociações dos Correios, Eduardo Rodriques, foi oferecida uma proposta com reposição das perdas, 9% de ganho real a partir de janeiro e mais um abono para os trabalhadores agora. "Nós acreditamos que a proposta é boa, mas os trabalhadores não concordaram e entraram em greve", diz Eduardo.

Os funcionários reivindicam 30% de aumento real, que é um valor de R$ 200 reais. "Um carteiro inicial ganha R$ 807 mais 30% pelo desempenho da atividade. Passa para mais de R$ 1.000. Nós entendemos que dentro do limite da empresa fizemos o possível", diz o gerente de negociações. A greve dos Correios entra nesta segunda-feira no 20º dia.

Com informações do repórter José Maria de Melo.
NOTÍCIAS RELACIONADAS
04/10/2011 - Correios garante normalização de entrega de correspondências em uma semana após fim da greve
04/10/2011 - Dobra número de agências bancárias fechadas em todo o país em oito dias de greve
04/10/2011 - Professores do Estado decidem manter greve
04/10/2011 - Greve dos bancos chega a uma semana
04/10/2011 - Correios e trabalhadores fecham acordo no TST

Nenhum comentário:

Postar um comentário