sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

ATENÇÃO BÁSICA FOI DEBATIDA ENTRE CLS’S E SUBPREFEITOS

Participativa reunião foi realizada quarta-feira,15, no auditório do CEREST para se debater ações da atenção básica de Juazeiro do Norte. Do encontro participaram os cinco coordenadores dos distritos sanitários, coordenadores dos programas de Saúde Reprodutiva, de Controle a Hanseníase e Tuberculose, PACS (Programa de Agentes Comunitários de Saúde), NASF (Núcleo de Apoio a Saúde da Família), SISVAN (Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional) e Saúde Bucal, Conselhos Locais de Saúde (CLS’s) e subprefeituras. 
Lourdes Teixeira, coordenadora dos CLS’s, disse que o grande objetivo do encontro foi alcançado. “Nós conseguimos fazer uma integração entre os setores, subprefeituras e conselhos municipais de saúde e esse fator será importante para aprimorarmos os trabalhos”, avaliou. Para Dra. Regina Petrola, coordenadora da atenção básica, em Juazeiro existe uma rede assistencial bastante consolidada. “Essa rede assistencial garante atenção básica e secundária e também uma boa resolutividade na saúde, mas temos falhas na integração destes serviços”, admitiu.   Para a coordenadora essas falhas foram fatores que motivaram o encontro. “Nós queremos e vamos conseguir trabalhar com os subprefeitos, que são grandes parceiros, com os conselheiros locais de saúde e os coordenadores da atenção básica para que a gente possa realmente integrar a saúde pública”.  

A assessora técnica da SESAU, Dra. Maria da Paz Andrade Monteiro, palestrou sobre o Participa/SUS. O subprefeito da Regional 6, Thiago Pereira, explicou em nome dos demais subprefeitos presentes, Romão França e Argemiro Teófilo, a missão e atuação das subprefeituras. Os participantes fizeram sugestões que foram devidamente anotadas e serão avaliadas sobre a viabilidade técnica ou de serem atendidas. 

Opiniões: 

Esse encontro foi muito especial. Os conselheiros presentes tiveram a oportunidade de entender e perguntar sobre o trabalho dos subprefeitos e suprefeituras. Buscamos resumir essas atribuições e mostrar a importância para o Prefeito Santana em criar mais um sistema para ouvir a população que opina e participa diretamente de sua administração. Para, nós, subprefeitos e para os participantes tenho certeza que está sendo firmada uma grande parceria para aprimoramento dos trabalhos. 

Thiago Pereira – Subprefeito Regional 6 

Nós tiramos muito proveito deste encontro, mas não podemos cobrar solução para ‘tudo de uma vez só não’. Pois são 61 PSF’s e devemos cobrar ou pedir e confiar de que esses problemas vão ser resolvidos. Foi bom, também, porque finalmente a gente começou a entender como é que funciona uma subprefeitura e como eles podem trabalhar com a gente dos conselhos locais de saúde. 
Joaquim Gonçalves – Presidente do CLS 22 do Bairro Fátima

Nenhum comentário:

Postar um comentário