segunda-feira, 18 de junho de 2012

Festival de Jericoacoara: Cinema congrega visitantes e comunidade


Considerada um dos paraísos da costa brasileira e conhecida em nível mundial, a praia de Jericoacoara, distrito do município de Jijoca, novamente se torna a rota do cinema. Na noite da última sexta-feira, 15 de junho, o III Festival Jericoacoara – Cinema Digital teve sua cerimônia de abertura e deu início à sua programação, que se estende até quinta-feira, 21 de junho, congregando visitantes e comunidade, em uma grande mostra do novo cinema brasileiro.

Além de contemplar o céu estrelado de Jericoacoara, o público reunido na arena de exibição montada nas proximidades do Centro de Artesanato da cidade também assistiu a filmes realizados nas oficinas de 2010 e 2011, promovidas pelo evento. Uma tocante demonstração do poder do audiovisual, como instrumento participativo, a partir da apropriação do fazer cinema por parte de crianças e jovens de Jericoacoara. Pequenos realizadores, que deram voz a habitantes locais, como donas de casa e pescadores, contando suas histórias e se vendo na tela do festival.
 A noite continuou com a exibição do documentário “Ecologia”, de Leon Hirszman, e com a mostra “Oi nós Aqui”, com os filmes “O sentido das águas”, de Caio Quinderé e Clébio Viriato Ribeiro; “Murilo Teixeira”, de Felipe Naur, sobre o grande artista plástico cearense, e “O último dia no Rio”, de Arnaldo Formiga. Todos realizadores envolvidos com a própria produção do festival.

O III Festival Jericoacoara – Cinema Digital segue até o próximo dia 21 de junho, destacando, em sua Mostra Competitiva, um total de 40 filmes, de até 15 minutos de duração, produzidos com tecnologia digital e selecionados em meio a 322 obras inscritas por realizadores de 19 estados. O festival, dirigido pelo cineasta cearense Francis Vale e realizado pela Anhamum Produções, reúne realizadores como Hermano Penna, Joel Barcelos, Sérgio Santeiro e Tuna Espinheira, além de um grande painel da nova geração de cineastas brasileiros, e presta homenagem aos 80 anos do cineasta Joaquim Pedro de Andrade.

O evento tem como tema desta edição “Cinema, Independência e Sustentabilidade”. Já na manhã do sábado (16), no Centro de Artesanato, foi aberto o seminário “Audiovisual, Meio Ambiente e Sustentabilidade”, com grande participação dos cineastas presentes ao festival.

Fonte: Assessoria do III Festival de Jericoacoara

Nenhum comentário:

Postar um comentário