sexta-feira, 1 de junho de 2012

Tudo pronto para a Festa de Santo Antônio em Barbalha

Um colorido especial da ornamentação dedicada a Santo Antônio toma as ruas deste Município, para a maior festa religiosa do interior do Estado. A Festa de Santo Antônio de Barbalha será aberta no próximo domingo, dia 3, com o tradicional carregamento do pau da bandeira. Cerca de 200 carregadores percorrerão 6 quilômetros, do Sítio São Joaquim até a cidade, com um jacarandá de mais de 2,5 toneladas e 23 metros, que servirá de mastro para o pau da bandeira de Santo Antônio. A estimativa da Secretaria de Cultura é que mais de 100 mil pessoas estarão nas ruas da cidade no próximo domingo. A pré-abertura da festa acontece neste sábado, com a Noite das Solteironas, com quermesse ao lado da Igreja Matriz.

A cantora Elba Ramalho será a grande atração, no show da noite de abertura, no Parque da Cidade, onde acontece a maior parte dos 50 shows durante os festejos. O cantor Fábio Júnior será outra atração nacional, que irá se apresentar no Dia dos Namorados. Serão montados três palcos para a realização de shows no domingo, no Largo do Rosário, Marco Zero, próximo à Caixa Econômica, e no Parque da Cidade. A festa de Barbalha abre o calendário junino do Nordeste, com as comemorações alusivas ao período.


Este ano, a homenagem especial é direcionada ao Rei do Baião, Luiz Gonzaga, pelos 100 anos de nascimento do cantor. No dia 5 de junho acontece uma noite de shows com Joquinha Gonzaga, Jorge de Altinho e Nando Cordel, em homenagem a Gonzagão. A entrada para todos os shows, durante os 11 dias de festa, será um quilo de alimento não perecível, que será doado para instituições carentes. A Noite do Brega acontece dia 7, com a participação dos cantores Bartô Galeno, José Orlando e Jerry Adriani; no dia 8, Terreiradas Culturais e o Tribo de Jah, entre outras atrações.

Também receberá homenagem especial, como filho ilustre da cidade, o jornalista Edilmar Norões. Um boneco gigante do diretor de programação do Sistema Verdes Mares foi colocado de frente ao prédio histórico do Casarão Hotel de Barbalha, onde atualmente funcionam a Secretaria de Cultura e a Biblioteca Municipal. O homenageado receberá uma placa da Prefeitura de Barbalha, no domingo, às 11 horas, em solenidade na sede Secretaria de Cultura, na Rua da Matriz, nº 25. No espaço da Secretaria, fotos do jornalista lembram a sua história profissional.

As quermesses serão ao lado da Matriz. Em frente à igreja, será fincado o mastro da bandeira de Santo Antônio. O percurso terá duração de mais de 12 horas. Segundo o capitão do pau da bandeira, Rildo Teles, a preocupação maior, este ano, está voltada para os carregadores. Ele afirma que não será permitido que as pessoas que estão cumprindo o ritual de carregamento do mastro façam uso de bebidas alcoólicas, a exemplo da tradicional cachaça do vigário.

Essa é uma forma preventiva para que não ocorram acidentes durante o percurso. Segundo ele, o jacarandá é muito pesado. Por isto, a saída do cortejo será antecipada para as 10 horas da manhã, com a perspectiva de concluir o trajeto em torno das 19h30, se tudo ocorrer dentro do previsto. De acordo com Rildo, a parte mais lenta acontece na entrada da Rua do Vidéo, no Centro, onde se encontram as passagens mais estreitas.

A festa inicia logo cedo na cidade, com os grupos de tradição popular. A maioria deles sai antes do sol nascer para saudar Santo Antônio, com os primeiros raios de sol do dia, em frente à Matriz. A alvorada festiva conta com a reverência de dezenas de grupos folclóricos. O cortejo dos reisados, penitentes, maneiro pau, bandas cabaçais, quadrilhas juninas, acontece somente depois da missa de abertura da festa, às 8h30, celebrada na Matriz da cidade. Serão 11 dias de festa. A estimativa da Polícia Militar é que mais de 350 mil pessoas passem pela cidade.

O cortejo dos grupos de tradição acontece por toda a manhã, seguindo as ruas da Matriz, Vidéo até chegar no Largo do Rosário. Serão 61 grupos, com quadrilhas, mobilizando mais de 1.400 brincantes, além dos grupos para-folclóricos, com mais de mil participantes nas ruas da cidade.

A rotina de Barbalha mudou há alguns dias, desde as primeiras ornamentações. Segundo o secretário de Cultura, Antônio de Luna, hotéis da cidade já estão com lotação esgotada e não atendem à demanda. Grande parte das pessoas fica nas casas de familiares e amigos, ou reserva vagas em hotéis das cidades próximas, como Crato e Juazeiro do Norte.

A festa movimenta a economia local. Segundo comerciantes locais, as vendas chegam a ter um acréscimo de 20%.

Mais informações

Secretaria de Cultura e Turismo de Barbalha, Rua da Matriz, 25
Centro
Barbalha – Cariri
Telefone : (88) 3532.1708

Fonte: Diário do Nordeste

Nenhum comentário:

Postar um comentário