segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Mudanças no trânsito de Juazeiro do Norte para evitar mais acidentes


Por Thiago Aguiar
Em virtude dos constantes acidentes de trânsito - alguns com vítimas fatais -,  registrados na Av. Humberto Bezerra, em Juazeiro do Norte, em decorrência do intenso  fluxo de veículos, o secretário de Segurança Pública do Município, Cláudio Luz, está anuncia uma série de medidas a serem implantadas, brevemente, visando evitar, ou pelo menos reduzir esse tipo de ocorrência naquela via.
Segundo Claudio, medidas importantes para organização da referida via já vinham sendo tomadas, como a sinalização, divisão de faixas, e faixas de pedestres, mas mesmo assim não foi suficiente para redução do alto numero de acidentes.
Mudanças no trânsito de Juazeiro do Norte para evitar mais acidentes
Em menos de um mês, por exemplo, nossa redação contabilizou a derrubada de dois postes nesta via, onde carros desgovernados colidiram, sendo um fatal, os bairros adjacentes a esta avenida, podem ser comparados, separadamente, em numero de habitantes, a diversas cidades pequenas do interior, Timbaubas, Limoeiro, Novo Juazeiro e Almino Loyola.
Quando construída, esta avenida não fora projetada para comportar a quantidade de veículos que nela trafegam hoje, e dezenas de retornos foram construídos sem a menor segurança, comprometendo a vida das pessoas e a fluidez do que deveria ser hoje uma via rápida e segura.
Imagem ilustra a quantidade de postes derrubados em acidentes em Juazeiro do Norte.
O secretario afirma ainda que tartarugas (redutores de velocidade) serão instaladas em diversos trechos, feitas modificações nos retornos, principalmente, nas imediações do Conjunto Habitacional Almino Loyola (Parque São Geraldo), bairro Limoeiro e Novo Juazeiro, onde abriga o maior numero de habitantes  dentre outras medidas.
E que está sendo estudada a possibilidade de se colocar um semáforo no cruzamento das Avenidas Humberto Bezerra e Virgílio Távora, que dá acesso ao Aeroporto Regional do Cariri.
Conformemos-nos com um transito mais lento, do que o choro de inúmeras famílias, que perderam seus entes queridos no transito.
Fotos: Thiago Aguiar e Manoel Santana

Um comentário:

  1. O TRÂNSITO NAS GRANDES E MÉDIAS CIDADES TEM TRAZIDO CONSEQUENCIAS NEGATIVAS PARA A POPULAÇÃO... A SITUAÇÃO VEM SE AGRAVANDO A CADA DIA, COM O INCREMENTO DA FROTA DE VEÍCULOS, VIAS PÚBLICAS SEM AS CONDIÇÕES NECESSÁRIAS PARA ABSORVER O FLUXO, E DESTA FORMA INÚMEROS PREJUÍZOS PARA A SOCIEDADE.
    O NÚMERO DE ACIDENTES VEM AUMENTANDO ASSUSTADORMAENTE, E PRINCIPALMENTE POR MOTOCICLISTAS, QUE DO ALTO DE SUAS IMPRUDÊNCIAS, LIDERAM INQUESTIONAVELMENTE O NÚMERO CADA VEZ MAIOR DE ACIDENTES DE TRÂNSITO NO BRASIL.
    A SITUAÇÃO É GRAVISSÍMA NO INTERIOR DOS ESTADOS, ONDE AS QUESTÕES POLITICO-PARTIDÁRIAS, A FALTA DE INVESTIMENTO EM CAMPANHAS EDUCATIVAS, SINALIZAÇÃO, ESTRUTURAÇÃO DOS ÓRGÃOS DE TRÂNSITO, ACABA PRODUZINDO UM FESTIVAL MAQUIAVÉLICO DE ACIDENTES E TRAUMAS DE NATUREZA EXTREMAMENTE GRAVE. É PRIMORDIAL, QUE OS GOVERDOS ADOTEM UMA POSTURA MAIS DURA NAS QUESTÕES DE FISCALIZAÇÃO E NO CUMPRIMENTO DA LEI, POIS ASSIM ESTARÃO CUIDANDO DA POPULAÇÃO, PROMOVENDO A CIDADANIA E EVITANDO OS GASTOS EXORBITANTES COM OS APARATOS MÉDICOS.

    PAULO RONEY COSTA
    EX-DIRETOR DO DEMUTRAN DE CARIRIAÇU-CE

    ResponderExcluir