quarta-feira, 23 de maio de 2012

Trabalhos sobre pintor e artistas da xilogravura são lançados no Ceará

Trabalhos de quatro artistas da xilogravura de Juazeiro do Norte e do pintor cearense Antônio Bandeira foram reunidos em publicações pela Universidade Federal do Ceará. O livro “Antônio Bandeira e a poética das cores” e a coletânea “Xilogravura Juazeiro” vão ser lançados, às 19h, nesta quarta-feira (23) na reitoria da universidade, em Fortaleza.

O livro sobre a obra de Antônio Bandeira, um dos principais nomes das artes plásticas doCeará, traz artigos sobre o pintor produzidos por professores da UFC e organizados pelo pesquisador Gilmar de Carvalho. Ao lado dos textos que falam sobre a vida e o legado artístico de Bandeira, as ilustrações de telas e fotos também ajudam a compreender as características do artista abstracionista. A publicação é uma homenagem aos 90 anos de nascimento do artista de Fortaleza, que faleceu em 1967 em Paris, na França.

Ao lado da obra de Antônio Bandeira, o Museu de Arte da Universidade Federal do Ceará guarda há 50 anos um dos principais acervos de matrizes xilográficas do país. A coletânea “Xilogravuras de Juazeiro” reúne e dá acesso inédito a ilustrações de quatro mestres estampadas em folhetos de cordel, novenas, benditos e rótulos da região do Cariri.



A edição traz os álbuns "Apocalipse", de Walderêdo Gonçalves; "As Aventuras de Vira-Mundo", de José Caboclo; e "A Vida do Padre Cícero", de Antonio Lino; e a reedição de "A Vida de Lanpião [sic] Virgulino Ferreira", de Mestre Noza. Esses álbuns produzidos na década de 60 foram decisivos para a aceitação da xilogravura pelo mercado e chamaram atenção de instituições para a arte que tem como técnica entalhar desenhos em uma matriz de madeira e, depois, reproduzir a imagem gravada sobre papel ou outro suporte.

Serviço
Lançamento de "Antônio Bandeira e a poética das cores" e a Coleção Xilogravuras de Juazeiro Onde: 23 de maio (quarta-feira);
Horário:19h;
Local: Reitoria da Universidade Federal do Ceará (Av. da Universidade, 2853 – Campus do Benfica).

Nenhum comentário:

Postar um comentário