quinta-feira, 10 de março de 2011

NO CEARÁ Preço da gasolina chega a quase R$ 3 no Interior

Pressionados pela alta nos preços do álcool nas usinas, o valor do litro da gasolina comum mantém-se no pico

As declarações do presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli, de que os combustíveis não sofreriam reajustes no curto prazo não foram suficientes para mantê-los inalterados nos postos, para o consumidor final. Na esteira da Capital cearense, onde os preços foram elevados em meados de fevereiro, agora são os estabelecimentos do setor no Interior, que estão fazendo "evaporar" o dinheiro do consumidor, diante do valor do litro da gasolina, que já chega a R$ 2,96, em Ipu, R$ 2,95, em Crateús e R$ 2,90, em Sobral.

Clique para Ampliar

Em Fortaleza, o litro da gasolina comum está com preço médio de R$ 2,711, o máximo a R$ 2,799 e o mínimo de R$ 2,53; valor ainda encontrado no Posto JF5, na Rua José Façanha, 555, no bairro Damas. Entre o maior e o menor valor praticado na Capital, a diferença é de R$ 0,269, com diferença de 9,6%, enquanto que a diferença entre o maior preço cobrado em Fortaleza (R$ 2,799) e o maior aplicado no Ipu, é de R$ 0,161, o correspondente a 5,43%

Ao preço médio de R$ 2,711, na Capital cearense, a gasolina comum ocupa a quarta posição, entre os preços médios praticados nos nove Estados nordestinos. Já o álcool hidratado bateu a casa dos R$ 2,03, por litro, em Fortaleza, com o maior preço nos postos de combustíveis a R$ 2,099 e o menor, a R$ 1,92.

Nas distribuidoras da cidade, o preço médio do produto é de R$ 2,318, por litro. Os valores são relativos à pesquisa semanal, realizada pela Agência nacional de Petróleo (ANP), entre os dias 1º e 3 de março.

Margem de lucro
Dessa forma, a diferença entre os preços de venda nas distribuidora e os dos postos da Capital cearense revela que a margem de lucro dos estabelecimentos é de R$ 0,393, por litro, valor que confere ao Estado a terceira maior lucratividade praticada na região. Já a margem de lucro média dos postos de Fortaleza na comercialização do etanol é de R$ 0,19, por litro, ou 9,42%.

No Interior cearense, notadamente no município de Ipu, onde a gasolina custa, em média, R$ 2,93, por litro, a lucratividade de alguns postos chega a R$ 0,622, o equivalente a 21% do valor do combustível. No Nordeste, o maior preço da gasolina comum e a maior margem de lucro, (R$ 0,511; por litro), foram verificados no Rio Grande do Norte e a menor, (R$ 0,298), na Paraíba, onde o combustíveis fóssil custa R$ 2,536.

Sindipostos
Para o presidente do Sindipostos-CE, Guilherme Meireles, o que está encarecendo o preço da gasolina é o etanol. Dados do Cepea/Esalq mostram que, em fevereiro último, os preços do álcool hidratado nas usinas de cana-de-açúcar do País subiram 20,76%, saltando de R$ 1,11, em 3 de fevereiro, para R$ 1,3405, no último dia 4.

"Se o governo reduzir o percentual da mistura do álcool na gasolina, como fez no ano passado, o preço pode até cair", pressiona Meireles.

Gasolina comum
2,93 reais é o preço médio do litro da gasolina comum no município de Ipu, onde combustível custa entre R$ 2,91 e R$ 2,96. Em Crateús, o litro é comercializado a R$ 2,95 e em Sobral, R$ 2,90.

CARLOS EUGÊNIOREPÓRTER

Nenhum comentário:

Postar um comentário