sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Cid Gomes agrada Dilma ao assumir campanha de Marco Maia no Ceará

O Palácio do Planalto quer evitar um racha na base e eleger o petista. O governador cearense é um dos incentivadores.
Por: Márcio Dornelles

A disputa pela presidência da Câmara Federal está deflagrada. Na base aliada, Marco Maia (PT-RS) faz campanha para ganhar votos e já conta com a ajuda do governador Cid Gomes (PSB). O petista visita o Ceará na próxima segunda-feira (13) para conversar com a bancada do Estado e ampliar o leque de apoiadores.
A eleição deve acontecer no início de fevereiro, após o recesso parlamentar. Enquanto isso, o Palácio do Planalto articula a vitória de Maia, para evitar um possível racha dentro da base. O deputado Silvio Costa (PTB-PE), um dos prováveis concorrentes ao cargo, já foi convocado pelo vice-presidente Michel Temer (PMDB) e convidado a abrir mão da candidatura.
Cid aproveita o embalo e oferece apoio ao petista, agradando a presidente Dilma Rousseff. Na última segunda-feira (10), durante solenidade do TCM na Câmara de Fortaleza, o chefe do executivo estadual já havia afirmado que iria “unificar o discurso” entre os deputados federais. Dos 22 deputados federais, o governador tem 18 assinaturas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário